3 dicas para desenvolvimento e treinamento de líderes

Nem todo chefe é um líder. Líderes são aqueles que demonstram proatividade, têm facilidade em trabalhar em equipe, são autoconfiantes e, acima de tudo, confiam no trabalho daqueles que com ele trabalham.

Abaixo vamos dar algumas dicas para que líderes sejam desenvolvidos, treinados e reconhecidos, ajudando a empresa a formar gestores cada vez mais competentes e com perfil de liderança.

 

1. Saiba ouvir

Uma das principais características de um bom gestor é saber ouvir as pessoas que trabalham com ele. O líder que ouve sua equipe tende a estar mais próximo das questões que exigirão mais a sua atenção, podendo controlar melhor possíveis problemas que venham acontecer no decorrer dos trabalhos e ver quais os funcionários que se destacam para os cargos de liderança.  

Para o gestor que deseja buscar novos líderes dentro da sua empresa, é importante verificar dentre todos, aqueles que possuem mais facilidade na comunicação com seus colegas, ficando atento àqueles que exercem este papel em situações mais adversas.

Em relação ao perfil de quem é líder, ouvir a opinião de todos é importante para que se consiga implementar melhorias contínuas nos processos e programas de desenvolvimento da organização.

 

2. Dê feedbacks contínuos

O feedback entra como um item de extrema importância quando estamos falando de um líder. Com ele, será possível conhecer melhor com quem se trabalha, desenvolvendo o ambiente para que a equipe tenha uma imagem positiva da liderança.

Criar um ambiente que seja participativo é um desafio para quem é líder. Para isso, estabeleça um canal de comunicação de mão dupla, onde todos tenham a liberdade para dar suas opiniões e percepções sobre o trabalho que vem sendo feito. Não basta só você dar o seu feedback à equipe, aqui o ideal é que os liderados também possam procurar você sempre que necessário, dando seu retorno para que haja o crescimento mútuo dentro deste sistema.

 

3. Trabalhe em conjunto com os recursos humanos

Buscar profissionais que tenham vocação para serem líderes e valorizar os profissionais que se destacam dentro da sua empresa, além de ser um papel dos gestores, também é papel de um departamento de recursos humanos (RH) eficaz. No momento das contratações, é necessário que sejam efetuados testes que possam avaliar o potencial dos candidatos e sua capacidade de agir em casos em que sejam necessárias características de um funcionário de destaque.

Também é papel do RH estimular e desenvolver os funcionários que se sobressaiam em saber lidar com adversidades, visto que esta também é uma das funções dos líderes de qualquer organização.


Na sua empresa já há um trabalho para buscar novos líderes? Se ainda não, converse com o pessoal do RH e veja o que é preciso fazer para que suas forças sejam direcionadas para tal. Empresas que valorizam os funcionários que mais se destacam têm mais chances de transformar colaborados em líderes e, consequentemente, obter melhores resultados.

Gostou do nosso texto? Deixe seu comentário para nós. Além disso, se deseja receber nossos próximos conteúdos em seu e-mail, cadastre-se em nossa newsletter.

Compartilhe

Deixe seu comentário